6.10.10

"Cães de Aluguel" é primeiro filme de ciclo dedicado a Tarantino

Cine CCBEU apresenta

"Cães de Aluguel", de Quentin Tarantino
 


Sinopse:

 
Joe Cabot (Lawrence Tierney), um experiente criminoso, reuniu seis bandidos para um grande roubo de diamantes, mas estes seis homens não sabem nada uns sobre os outros e cada um utiliza uma cor como codinome. Porém, durante o assalto algo saiu errado, pois diversos policiais esperavam no local. Mr. White (Harvey Keitel) levou Mr. Orange (Tim Roth), que na fuga levou um tiro na barriga e morrerá se não tiver logo atendimento médico, para o armazém onde tinha sido combinado que todos se encontrassem. Logo depois chegou Mr. Pink (Steve Buscemi), que está certo que um deles é um policial disfarçado e eles precisam descobrir quem os traiu. Em um clima de acusações mútuas, a situação fica cada vez mais insustentável.

Sobre o ciclo "Quentin Tarantino Badass Muthaghfckr!":


Orson Welles dizia que todo filme é bom desde que revele o homem que o fez. Eric Rohmer dizia que todo grande filme é também um documentário. Roberto Rossellini dizia que as imagens estão todas aí e que os cineastas só precisavam ligar suas câmeras. O que nenhum deles esperava é que nos trágicos anos 90 do século XX, um garoto do Tenessee reunisse em seus filmes todas essas qualidades: o auto-retrato, o retrato de seu tempo e principalmente o registro-criador daquilo que passava diariamente na frente de seus olhos - que não eram as guerras urbanas, a busca pela vingança, a sociedade de consumo ou as suculentas "fatias de vida", mas sim um século de filmes sobre tudo isso.
Quentin Tarantino aprendeu com os filmes. Enquanto alguns cineastas iam às ruas atrás da verdade, ele sabia que ela sempre esteve passando pela sua janela a 24 frames por segundo. Isso, sem dúvida, garantiu o seu lugar no front de críticos, cineastas e amantes de cinema que bradaram orgulhosos: "Esse filho-da-puta é um dos nossos! E talvez seja o melhor de nós!"
Muito mais que o "rei da cola" a que querem reduzir os seus detratores, Tarantino coloca em seus filmes mais pedaços de sua própria alma que a maioria de seus colegas contemporâneos. Observemos por exemplo a maravilhosa dramaturgia de seus roteiros: a neurose, o consumismo, o humor, o amor (não existe outra palavra) pela linguagem, pela música das palavras e pela lógica da argumentação. Tudo isso é o próprio Tarantino. É a sua voz que sai da boca de todos os personagens.
Os personagens são o de sempre - gângsters de terno preto e mulheres fatais - mas nunca foram vistos tão de perto. Tarantino quer saber quem são essas pessoas. O que fazem, do que gostam, o que comem e sobre o que conversam durante os tempos mortos da narrativa convencional? Diferente de muitos realizadores, Tarantino não se envergonha das coisas do cinema. Não tenta justificá-lo com a hipocrisia de temas nobres, causas humanitárias ou referências bibliográficas. O cinema lhe basta.
Seus filmes são atos de amor. E é compartilhando este amor que o Cine CCBEU promove o ciclo "Quentin Tarantino Badass Muthaghfckr!". Ao optar pela primeira fase do diretor - antes do mergulho definitivo no século XXI, no cinema de ação, nos grandes orçamentos e na alegoria ultra-cinematográfica de "Kill Bill", "À prova de Morte" e "Bastardos Inglórios" - observamos a gênese do gênio. Sua trilogia de Los Angeles e suas incursões na tv, em curta-metragem e no cinema amador são reveladores de um novo tempo para o cinema americano e mundial. Um tempo de amor e violência.

Miguel Haoni (APJCC - 2010)






CINE CCBEU: espaço de exibição de grandes obras da cinematografia mundial e fórum regular de debates sobre arte, cultura e cinema.
Numa parceria entre Centro Cultural Brasil Estados Unidos, Associação Paraense de Jovens Críticos de Cinema (APJCC), Cineclube Amazonas Douro e com o apoio da Rede Norte de Cineclubes, o Cine CCBEU funciona às quintas-feiras, a partir das 18:30, e apresenta dia 07 de outubro o filme  "Cães de Aluguel" abrindo o ciclo "Quentin Tarantino Badass Muthaghfckr!" que terá a curadoria de Max Andreone (APJCC).
Ainda em outubro serão exibidos os filmes "Pulp Fiction" (dia 14), "Jackie Brown" (dia 21) e o Tarantino Bônus com fragmentos do filme "O Aniversário de meu Melhor Amigo", o episódio da série "Plantão Médico" dirigido pelo cineasta e o capítulo "O Homem de Hollywood" do filme "O Grande Hotel" (dia 28).
Sempre com entrada franca!


* * *

Serviço:
 
07 de outubro (quinta) às 18h30

no Cine-teatro do CCBEU (Padre Eutíquio, 1309)
ENTRADA FRANCA

Realização: APJCC e CCBEU
Apoio: Cineclube Amazonas Douro e Rede Norte de Cineclubes

Mais informações:
Comunidade e Perfil
E-mail: cineccbeu@gmail.com
Twitter da APJCC
Contato: (91) 88131891

Um comentário:

sofia martínez disse...

Muito bom filme, Cães de Aluguel é o meu favorito. Sem dúvida, este filme é catapultada para a fama pelo renomado diretor, como os críticos aplaudiram e até mesmo seus dias é considerado um filme de culto, no entanto nas bilheterias não foi muito bem. Dois itens que caracterizam muito é a participação de Steve Buscemi e, claro, o diálogo banal, em que os personagens masculinos estão engajados. Great!